SAIR
 
AXNews
Newsletter Aluísio Xavier
 
   
Jus Brasil Noticias - 22/02/2011 | OUTROS
Unimed deve pagar prótese de platina a paciente
AUMENTAR A LETRA DIMINUIR A LETRA
A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou que a Unimed Vitória Cooperativa de Trabalho Médico Ltda. pague pelas próteses de platina colocadas por um segurado, mesmo havendo no contrato previsão expressa de que o plano de saúde não cobria o fornecimento de próteses e órteses de qualquer natureza.

Os ministros consideraram legítima e válida a cláusula limitativa de fornecimento de prótese, pois a amplitude do serviço prestado pelo plano de saúde está condicionada à contraprestação financeira que o contratante se propõe a pagar. Porém, eles entenderam que as limitações contratuais impostas por uma contratação menos ampla não podem impedir o cumprimento de outros procedimentos contratados.

No caso analisado, o segurado sofreu um acidente e precisou de cirurgia para colocar prótese de platina na perna direita, devido a fraturas. A operação foi realizada por força de liminar, mediante caução prestada pelo paciente. O juízo de primeiro grau condenou a Unimed a pagar a prótese, mas o Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) decidiu que o ônus era do segurado, em razão da cláusula limitativa prevista no contrato, assinado antes da vigência da Lei n. 9.656/1998.

O relator do recurso, ministro Luis Felipe Salomão, entendeu que o fornecimento da prótese era essencial para o sucesso do procedimento coberto pelo plano de saúde. "Daí porque a jurisprudência do STJ é uníssona em repudiar a recusa de fornecimento de instrumental cirúrgico ou fisioterápico, quando este se encontrar proporcionalmente interligado à prestação contratada", explicou Salomão.

O relator ressaltou que essa recusa fere o Código de Defesa do Consumidor (CDC) e a exigência do comportamento pautado pela boa-fé objetiva, "por conferir ao hipossuficiente desvantagem desproporcional, ademais escamoteada em cláusula limitativa cujo alcance se torna bem maior do que inicialmente imaginado, apanhando inclusive os procedimentos cobertos pelo plano ou seguro". Salomão destacou que o STJ já aplicava as regras do CDC nos contratos de plano de saúde antes mesmo da vigência da Lei n. 9.656/98. Processo: Resp 873226
 
 
   

MAIS NOTÍCIAS RELACIONADAS

Ordem dos Advogados do Brasil - 21/02/2011
Ordem investiga casal suspeito de fazer captação ilícita de clientes
Conselho Nacional de Justiça - 21/02/2011
Advogados também têm que passar por detector de metais
Supremo Tribunal Federal - 21/02/2011
Governo do Paraná ajuíza ADI contra resolução do CNJ sobre precatórios
Tribunal Superior do Trabalho - 21/02/2011
Sétima Turma afasta responsabilidade subsidiária da União pedida em ação autônoma
Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região - 21/02/2011
Diferença maior em relação ao cálculo do perito não implica pagamento dos honorários pelo exequente
Tribunal Superior do Trabalho - 21/02/2011
TST - SESCOOP não é obrigado a realizar concurso público para contratar pessoal
Superior Tribunal de Justiça - 21/02/2011
STJ - Prorrogação de patente de remédio no país de origem não estende a proteção no Brasil
Jus Brasil Noticias - 22/02/2011
Detector de metais é obrigatório para todos
Jus Brasil Noticias - 22/02/2011
Unimed deve pagar prótese de platina a paciente
Câmara dos Deputados Federais - 18/02/2011
Projeto de juristas quer limitar medidas que visam retardar o processo
Info Online - 10/02/2011
Empresa quer fim do e-mail durante o trabalho
Info Online - 11/02/2011
Semáforo de LED evita pane e gera economia
Agência Fapesp - 12/02/2011
Quanto cabe de informação no mundo?
Exame.com - 09/02/2011
Ajuste de 4,5% da tabela do IR ainda depende de acordo
Exame.com - 09/02/2011
Investidores vislumbram lucro com informações sigilosas
Revista Consultor Jurídico - 11/02/2011
Juíza de Buritis explica decisão de banimento
Revista Consultor Jurídico - 10/02/2011
CNJ procura empresas para qualificar trabalhadores
Revista Consultor Jurídico - 10/02/2011
Lei não pode destinar custas judiciais para entidade
Revista Consultor Jurídico - 10/02/2011
CNJ visita cadeia pública prestes a cair na PB
Revista Consultor Jurídico - 10/02/2011
STJ reduz indenização de homem com nome no SPC